DISCOGRAFIA

12. HOJE TUDO ME ENTRISTECE

(Letra de Jorge Fernando e Música de Fado Franklin)

 

Hoje tudo é triste em mim
Como se toda a tristeza
Emanasse do meu peito
Breve presságio do fim
Que me sustenta a certeza
Do coração já desfeito

 

Hoje tudo me entristece
Tudo ensombra o meu olhar
Mais que ansioso do teu
Mas se em sorte me coubesse
O coração resgatar
Que em teus olhos se perdeu

 

Hoje a tristeza não deixa
De afundar seus longos traços
No meu rosto descuidado
Pois sem uma simples queixa
Eu vou voltar aos teus braços
P’ra se cumprir nosso fado


[x]